terça-feira, 20 de novembro de 2012

A MORTE DA ECONOMIA



Dados do INE
A morte das empresas está a levar à diminuição do número de postos de trabalho existentes na Madeira. A nossa economia está a morrer e não é lentamente, é a uma velocidade estrondosa. Nesta economia ultraperiférica, nos últimos 2 anos, desapareceram 14.000 postos de trabalho. Não há memoria nos últimos 28 anos de democracia de desaparecimento de tantos postos de trabalho tão rapidamente (2 anos) como agora. Estes dados são razão de sobra para uma MUDANÇA urgente de Política económica.

Sem comentários: