segunda-feira, 22 de março de 2010

ATENÇÃO ÀS PRIORIDADES

Numa altura em que será debatida a Conta da Região de 2008, quem a analisou ou acompanhou as sucessivas peças no DN facilmente chega à verdadeira situção financeira da RAM. O fotografia financeira é grave e requer atenção redobrada, mesmo contando com os apoios do Estado à reconstrução que aí vem, é necessário, mais que nunca, um especial cuidado em relação às prioridades a estabelecer.

Sem comentários: