sexta-feira, 27 de março de 2009

MANUAL PARA PLANEAR UMA URDIDURA JUDICIAL!


PELA LEITURA DA REVISTA DA ORDEM DOS ADVOGADOS RELATIVO AO CASO FREEPORT, PARA QUEM É INESPERIÊNTE, COMO EU, NESTAS ANDANÇAS SEGUINDO O QUE ESTÁ AQUI DESCRITO http://www.oa.pt/upl/{e9c642f0-45cd-4368-8737-19044506cb87}.pdf FICA-SE COM UMA IDEIA CLARA DE COMO FAZER UM ARRANJINHO PARA TRAMAR ALGUÉM POLITICAMENTE. PARA TAL, SÃO NECESSÁRIOS OS BONS-OFÍCIO DE UM INSPECTOR DA PJ, ENVOLVENDO ALGUNS POLÍTICOS E COM A AJUDA DA COMUNICAÇÃO SOCIAL. PARA CONSEGUIR TAL DESIDRATO É NECESSÁRIO TER UM AMIGO NA PJ, UNS AMIGOS NA POLÍTICA E UNS AMIGOS JORNALISTAS.
LEIA A PEÇA NA INTEGRA http://www.oa.pt/upl/{e9c642f0-45cd-4368-8737-19044506cb87}.pdf E FICARÁ HABILITADO PARA REPETIR A FAÇANHA. UM AUTÊNTICO MANUAL!

2 comentários:

Alexandro Pestana - www.miradouro.pt disse...

Vitor, vamos fazer um "gratuito" e depois tentamos fazer o mesmo aqui na Mamadeira? :D

prof pascuale disse...

PARA QUEM É INESPERIÊNTE ou para quem é inexperiente?

ja chegou o acordo ortografico por aqui?

inexperiente

do Lat. inexperiente


adj. 2 gén.,
sem experiência;
ingénuo;
bisonho;
simples, inocente;
imperito.