sábado, 6 de dezembro de 2008

OPINIÃO DO PROF. VIRGÍLIO PEREIRA

SOBRE A NÃO ELEIÇÃO DA 3ª VICE-PRESIDÊNCIA DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA


No programa “Face-a-Face” da RDP-Madeira, de hoje, sábado, 6 de Dezembro de 2008, o Professor Virgílio Pereira (PSD-M) falou sobre o comportamento do PSD, relativamente à não eleição do Deputado Bernardo Martins para Vice-Presidente da Assembleia Legislativa da Madeira.

Aqui, fica uma síntese das suas declarações.

Quanto à atitude do PSD em não viabilizar a eleição de Bernardo Martins, o PROFESSOR VIRGÍLO PEREIRA lamentou “este triste espectáculo, que não é salutar e só cria crispação. Esta é uma atitude supérflua do PSD”.
Acrescentou: “a nível externo, isto não é positivo para a imagem da Madeira”.
Disse que “gostaria que esta contenda acabasse e se o PSD arranjasse mais um voto, isso não quer dizer que o PSD apoia o PS ou o Senhor Bernardo Martins. O PSD seria magnânimo e era um gesto superior, possibilitando a eleição do Vice-Presidente do PS”.
Questionado se vale a pena insistir numa nova eleição de Bernardo Martins, o Professor Virgílio respondeu: “Sim, vale a pena resolver isto, sob pena de ser um prejuízo para a imagem da Madeira”.

12 comentários:

pedro sá disse...

é engraçado ver que o PS vai buscar um PPD, para justificar a sua estrategia falhada.

continuem.

podem ir a votos dez vezes e o resultado vai ser sempre o mesmo, não tenham duvidas, chumbo.

e que ganham com isso?

Anónimo disse...

O dinheirinho que é gasto no tacho que o "Sr. Pedro Sá" vem para aqui defender é que dava jeito a muitas famílias Madeirenses em dificuldades.

Anónimo disse...

Só deixa de dar jeito a muitas familias Madeirenses quando o dinheirinho do tacho chegue as mãos dum deputado do PS,não é?

Alexandro Pestana - www.miradouro.pt disse...

Quantas mais vezes o PS ver vedada a eleição de um vice na ALM, mais votos o PS ganha. Como os PSDs são lerdos, ainda não repararam nisso, que se estão a enterrar cada vez mais... Com o tempo eles vão aprender... Venham mais 10 eleições! Água mole em pedra dura, tanto bate até que fura! lol

Anónimo disse...

Pois, assim diziam que ia acontecer em Gaula.

E afinal tiveram um grande derrota...

Anónimo disse...

Se os deputados do PS só estivessem interessados no dinheiro do tacho certamente nunca se teriam inscrito num partido da oposição. Mas a lógica que está subjacente aos seus comentários denuncia a directriz que adoptam os elementos do PSD-M: A prioridade é sempre o dinheiro!
Enfim para os propagandistas do laranjal não faz mesmo sentido nenhum fazer política sem ser para receber um grande tacho. Não é BBS?

Anónimo disse...

O PS também só quer é mamar

Anónimo disse...

Por isso é que está na oposição onde é sobejamente conhecido que os tachos abundam, não é

Anónimo disse...

Transcrição total da intervenção do deputado Jaime Ramos no debate do orçamento de hoje. São apenas 2 minutos.
Não consegui gravar o video…
Não consegui posicionar as vírgulas…

Digam-me lá se isto é dignificante para o Parlamento Regional?
Como é possível que este homem seja há tantos anos não só deputado, mas também o líder da bancada parlamentar do PSD-Madeira?

Sr. Presidente,
Sr. Secretário Regional,

ehh todos nos madeirenses infelizmente lemos ehh de vez em quando nos jornais nacionais de artigos de opinião e artigos jornalistas que são pagos avençados pelos dinheiros públicos ehh pelo partido socialista como todos os sabem como é que funciona inclusivamente as televisões que até que hoje ehh andam-se a apoiar por trás pelas costas ehh várias televisões que estão em degradação económica e financeira através de ehh apoios a bancos onde essas pessoas os dirigentes os principais accionistas metiam os seus dinheiros as suas aplicações para que essas televisões façam sondagens e façam até propaganda do próprio governo diria eu dizem de que a Madeira vive à custa dos portugueses. Eu pergunto, considerando este orçamento e as verbas que são transferidas do orçamento de estado fruto das normas constitucionais e estatutarias vê-se o valor e a percentagem qual é a percentagem e o valor que são neste momento transferidos do orçamento de estado face à famigerada lei das finanças regionais aprovada pelo partido socialista da Assembleia da República com os votos dos representantes da Madeira do Partido Socialista como deputados à Assembleia da República?
Segundo ponto. Pergunto ao sr. deputado se, ao sr. Presidente, ao sr. Secretário se, as verbas geradas geradas na Região Autónoma, que são receitas da Região e que o Governo da República cativa se não são superiores a essas verbas que são transferidas?
Por último eu pergunto. Na Madeira sempre se fez e se tasse a fazer para dinamizar a economia e o crescimento económico obras públicas fundamentais para diminuir as assimetrias e dar possibilidades às populações de ter vias (terminou o tempo sr. deputado) de acesso juntos das suas casas. Na Madeira é betão e alcatrão, no continente com o governo Sócrates é crescimento económico.

in www.duarte-gouveia.info

amsf disse...

Parece que passou despercebido na Madeira o facto do deputado Guilherme Silva ter afirmado, na TSF, que a Assembleia da República devia fechar às Sextas e Segundas para os deputados puderem visitar as famílias! Também eu queria e ganho muito menos! Isto foi dito para justificar a avalanche de faltas de deputados do PSD no debate do Orçamento de Estado!

rouxinol de Bernardim disse...

Isto já não é próprio da Madeira... mas da «Mamadeira!»

Veja meu post mais recente em

www.rouxinoldebernardim.blogspot.com

Anónimo disse...

o Senhor Virgílio Pereira é, sem dúvida, o único Social-Democrata que o PSD-Madeira tem em suas filas. Admiro este homem.